Once Upon a Cloud — Claire Keane

Hoje é dia de fofura no C.L.! Quem disse que adulto não pode ler livro ilustrado infantil?! Pode sim senhor! E hoje se prepara porque a dica é a coisa mais fofa do mundo: vamos viajar nas nuvens com uma garotinha que só queria encontrar um presente especial para sua mãe. Quem está a bordo?

tumblr_na9emg84NG1qcx6iuo1_1280
Capa do livro Once Upon a Cloud, de Claire Keane.

Continuar lendo “Once Upon a Cloud — Claire Keane”

Anúncios

O Mágico de Oz — L. Frank Baum

Tortinha de maçã com chocolate

capaozColocando um pouco mais de açúcar nesse blog, hoje vou falar da minha experiência atual com o clássico infantil O Mágico de Oz, de Lyman Frank Baum. Meu contato inicial com o mundo de Oz foi formado pelo cinema e TV. Assistia a interpretação de Judy Garland como Dorothy e, particularmente (muito particularmente), sempre sentia um soninho, mas também me encantava, principalmente  com sua voz angelical interpretando Somewhere over the rainbow.

Mas então, vamos falar do livro? Esqueça todas as referências sobre Oz que você absorveu nesse mundo cinematográfico, porque, afinal, a literatura é uma outra linguagem, vaga em um outro universo…

Continuar lendo “O Mágico de Oz — L. Frank Baum”

O Castelo Animado – Diana Wynne Jones

o-castelo-animado-diana-wynne-jones-mdf.jpg

Fala galera! Beleza?!

Nossa resenha de hoje está recheada de MAGIA! E das boas, viu? Prepare-se para  conhecer um legítimo demônio do fogo, magos temperamentais, feiticeiras sem coração, jovens amaldiçoadas, chapéus malucos, espantalhos falantes e muito mais! Bem vindos ao castelo animado do mago Howl!

“- Eu vivo muito bem com um nome simples – disse Sophie quando dobraram numa rua abençoadamente estreita e fresca./ – Não podemos ser todos iguais – retrucou Howl” – O Castelo Animado, p.172.

Continuar lendo “O Castelo Animado – Diana Wynne Jones”

Bela e a Fera – Jeanne Marie Leprince de Beaumont

Me ame antes que a última pétala caia….

Uma jovem humilde, de exterior bonito como o dia e dedicada ao velho pai; um ser monstruoso, com traços que lembram ora um leão, ora um javali. Aparentemente brutal, mas de bom coração.

E uma rosa.

Estes são os personagens principais do meu conto de fadas preferido: “Bela e a Fera”. Um viva a Jeannie-Marie por esta obra icônica da literatura infantojuvenil! Icônica Jovi? Sim!

Você sabia que a “Bela e a Fera” foi o primeiro texto da literatura infantojuvenil? Não? Bom, agora você já sabe, ne´? 😛 Antes da Branca de Neve dar uns rolês com anões, ou da Bela Adormecida relaxar os ossos por anos a fio, a nossa protagonista aqui encontraria, no castelo de um príncipe amaldiçoado, o sentimento verdadeiro de amor que ultrapassaria a beleza externa.

Continuar lendo “Bela e a Fera – Jeanne Marie Leprince de Beaumont”