A Criatura — Sinval de Abranches

É só um conto. Não é um romance, não é uma história longa, dessas com vários capítulos, nada disso. É um conto. E é realmente impressionante a carga filosófica que o autor Sinval de Abranches consegue inserir em tão poucas linhas, com uma linguagem simples, comum, prosaica. Pois não há nada de erudito em A Criatura, a não ser, talvez, algumas das reflexões às quais podem chegar seus leitores mais predispostos a uma boa dose de filosofia existencial.

Continuar lendo “A Criatura — Sinval de Abranches”

Desculpem o transtorno, precisamos falar sobre o dia do professor

“O ideal seria que os professores não se aposentassem.”

Foi com esse duvidoso elogio, proferido recentemente pela jornalista Miriam Leitão, que comecei a escrever um daqueles textões no Facebook.

Não estou entre as pessoas mais ativas das redes sociais. Não tenho Twitter. Jamais respondo ao “bom dia” nos grupos do WhatsApp. O Facebook, no entanto, frequentemente me serve de espaço para dizer aos amigos o quanto estou satisfeita ou insatisfeita com alguma coisa, sempre que essa coisa também possa ser relevante para eles.

Continuar lendo “Desculpem o transtorno, precisamos falar sobre o dia do professor”

Tag literária: os quatro elementos

Gosta de tags literárias? Então chega mais, que a gente tem uma bem fácil e divertida para compartilhar!

Para quem não sabe, uma tag é um desafio rápido. Uma forma de nos fazer lembrar dos livros que temos ou que já lemos, e também de nos fazer mexer em nossa estante. Enquanto nos divertimos pensando nas respostas, vamos nos lembrando de várias histórias e de várias experiências de leitura que já tivemos.

A tag de hoje é sobre os quatro elementos da natureza — terra, fogo, ar e água — e nós a encontramos no blog Book & Cia. São oito itens, mais um item extra no final. Caso você se interesse por um dos livros mostrados, basta clicar na imagem para ser redirecionado ao site da Amazon, onde você poderá ver preço, informações técnicas, etc.

Continuar lendo “Tag literária: os quatro elementos”

Cinco livros da Cosac Naify para comprar antes de (a editora) morrer

Foi com grande tristeza que os leitores brasileiros receberam, em novembro de 2015, a notícia do fechamento da Cosac Naify. A editora, popular principalmente entre os estudantes e profissionais de artes, design e arquitetura, ficou conhecida pelos livros técnicos dessas áreas e pelas edições luxuosas e cuidadosamente trabalhadas de clássicos da literatura mundial. Atualmente, o estoque remanescente da Cosac Naify está disponível somente no site da Amazon. Alguns títulos chegaram a desaparecer por um tempo do mercado, pois aqueles que iam se esgotando não estavam sendo republicados. Felizmente, a Amazon percebeu a lacuna deixada por essas obras e tem providenciado reedições de vários dos títulos mais procurados da Cosac. Sorte nossa, mas não sabemos por quanto tempo. =/

saudade-cosac-naify

Continuar lendo “Cinco livros da Cosac Naify para comprar antes de (a editora) morrer”